Veja na nossa agenda os eventos que temos para si






Wallpapers/Fundos de ambiente de trabalho






Para subscrever a nossa newsletter, deixe-nos o seu e-mail




Deixe-nos as suas sugestões







Delimitada pelo Oceano Atlântico a sul e a oeste, a Costa do Estoril estende-se desde Carcavelos até ao limite norte do concelho de Cascais.

Na Costa do Estoril, desde sempre o clima e as condições naturais terão sido excepcionalmente favoráveis, tanto para o Homem – cujos primeiros vestígios remontam ao Paleolítico – como até, já muito antes, para os dinossauros, cujas pegadas ficaram indelevelmente gravadas em vários pontos da região.



Mais tarde, tornou-se evidente o interesse estratégico deste ponto mais ocidental da Europa continental, sucessivamente frequentado por Fenícios, Romanos e Árabes.

Destes últimos, em particular, a região herdou muitas influências arquitectónicas, toponímicas e culturais, sem esquecer os populares moinhos de vento, cuja primeira referência literária se deve a Ibn Mucane, de Alcabideche, situada a poucos quilómetros de Cascais.

No decurso da Reconquista, a região caiu definitivamente sob domínio cristão em 1147 e, dada a sua proximidade da capital, não mais deixou de estar no centro de todas as peripécias da vida política e militar da História de Portugal.


A poucos quilómetros de Cascais, a vila de Sintra tornou-se um dos retiros de Verão favoritos da família real.

As zonas ribeirinhas de Cascais eram as primeiras povoações a serem avistadas pelos navios que demandavam a barra do Tejo e a última imagem que de Portugal levavam, a caminho dos quatro cantos do Império.

Os seus habitantes viram partir os primeiros descobridores e regressar as primeiras naus com tesouros de África, especiarias da Índia e ouro do Brasil.

 Em 1588, viram desfilar, ao largo das suas praias, a maior formação naval de sempre até à II Guerra Mundial: a Invencível Armada, a caminho do seu infausto destino, nas costas de Inglaterra.

As fortificações costeiras recordam-nos os ataques de corsários, as tentativas de desembarque de forças espanholas, francesas e inglesas, em diferentes momentos da História de Portugal.



Em anos mais recentes, coube a vez ao Estoril de entrar também na História, como retiro preferido de reis e aristocratas exilados, vítimas das grandes convulsões políticas que abalaram o século XX, e também como grande centro de espionagem e de diplomacia secreta, no decurso da II Guerra Mundial. Daí nasceu uma atmosfera cosmopolita e sofisticada que perdura neste lugar até hoje.


Bem no centro situa-se o Parque Natural Sintra – Cascais que apresenta uma espantosa diversidade de ambientes e paisagens, onde se inclui do ponto mais ocidental da Europa continental, o Cabo da Roca. A dois passos da capital Lisboa, a Região é servida pelo seu aeroporto internacional, pelo Aeródromo Municipal de Cascais-Tires e por excelentes acessos rodoviários e ferroviários.

A Costa do Estoril está também situada junto à majestosa Sintra, Património Mundial da UNESCO e região de paisagens montanhosas e áreas rurais.













© 2004 Copyright Junta de Turismo da Costa do Estoril. Direitos reservados.